Acerca de mim

Lousada, Porto, Portugal
Pudesse faze-lo e mudaria a minha forma de ser, mas nunca a minha forma de pensar. Mudaria sim a forma de sentir as palavras, os gestos, e principalmente, o silencio...

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Fica


Nos espaços vazios por entre os encostos das mágoas, da tristeza e da desorientação, nascem marcas de carinho, paixão e esperança.

Por entre as palavras que se esquivam da realidade, os pensamentos que sonegam o sonho, permanecem estáveis memórias reais que amparam a alma.

Sinto o vazio pesado, que me entorpece a alma.

O meu ontem está quase completo.

Imaginei que me esperarias no espaço entre a Lua e o mar, tocando a melodia das palavras que me preenchem os vazios...

Pensei que te alcançaria nesse espaço onde te encontras, com as palavras, os pensamentos, os dias, as noites, os momentos... nossos e meus.

Por cada traço que desenhamos na tela que escolhemos, depositamos um pouco de nós, sem olhar ao passado...

Mas não esqueçamos o futuro... e continuemos a projectar as pinceladas de um tempo que demora a chegar, que não teme passar, sem que possamos pronunciar as palavras de uma qualquer doçura que nos pertença em qualquer momento da nossa vida, em qualquer espaço da nossa mente, em qualquer recanto do nosso coração.

15 comentários:

Gazeta na net disse...

Olá amiga,
O velho problema dos espaços entre os tempos, nunca queremos que estes apareçam, mas entre cada tempo há um espaço, as memorias, os anseios e o bate-bate de uma recordação que ocupa um espaço no coração.
Fica bem
Beijos perfumados

Betty Branco Martins disse...

.______querida Margarida




diz-se





.que o tempo



é o melhor amigo_______quanto a mim nem sempre isso é verdade


mas




.quanto ao tempo é a sua verdade que impera

...

.e assim


as memóris são o sopro da vida






triste______mas gostei muito














beijO_______ternO
bSemana

Ailime disse...

Que o teu futuro seja já hoje colorido por ternas pinceladas, raiadas pela luz do sol que irão aquecer o teu coração.
Beijinhos.

luar perdido disse...

Tempo, o eterno e duro tempo. Tempo, o eterno, meigo, doce, desejado tempo...Sim oscilamos entre as memórias e os desejos, os sonhos cumpridos e por cumprir.
Belo na sua tristeza o teu poema, mesmo muito belo.

Beijos de luar tecidos

Cöllyßry disse...

O tempo, se gasta imenso a planear o futuro, eu digo viver sim o presente intensamente...

Voltei, terno beijo

aqui fala do tempo__________


ölhår_Îñðîscrëtö...Å ¢µ®¡ö§¡dädë

lua prateada disse...

Passei correndo
Com xuva,vento e frio
Passei voando
Arrastada por um fio.

Não passei por nada
Apenas ,porque de mim emana
Grande amor por meus amigos
Passei desejando bm fim d semana.

Beijinho prateado com carinho

SOL

Anónimo disse...

É preciso não esquecer de viver o presente... e aguardar o amanhã. Ontem já foi...
Beijinhos

Anónimo disse...

Olá Margarida,
Foi-me pedido que indicasse 10 blogs da minha preferência, para atribuir o selo “Olha que blog Maneiro!”; por isso e uma vez este é um dos meus blogs preferidos, venho dizer-te que ele faz parte da minha lista de nomeados.
Bom resto de semana
Borboleta_A

Dennys Reys disse...

O TEMPO QUEM FAZ SOMOS NÒS MESMOS.... Muitas coisas depden do nosso querer e vontade.... o resto é prosseguir

Ailime disse...

Passo para te deixar uma mensagem, neste 1º Domingo de Quaresma!
Acredita e confia no Senhor da Luz, que no Domingo de Páscoa, vai ressurgir de novo para nos ajudar a prosseguir nas nossas caminhadas.
Um grande beijinho.

Å®t Øf £övë disse...

Margarida,
Temos sempre de olhar a vida para a frente, manter a esperança, e acreditar sempre, porque só assim a vida merece ser vivida.
Bjs.

Lyra disse...

Olá, venho desejar uma Boa Páscoa, replecta de amêndoas e boa disposição.

Beijinhos e até breve.

Lyra
;O)

Ailime disse...

Gosto muito do teu espaço com o qual me identifico bastante!
Deixo-te um grande beijinho e faço votos para que o Senhor da Luz, que agora veio de novo ao nosso encontro na Páscoa da sua Resssurreição, te dê toda a força e confiança para alegrares o teu coração.

JOICE WORM disse...

Oi Margarida, vou passando para lhe deixar um beijinho de saudades. Espero que esteja tudo a correr bem na sua vida, linda!

lampâda mervelha disse...

A beleza das palavras enegrecidas.